h1

Trabalhar na Australia (Parte 2)

20/03/2011

Quando comecei a série de posts sobre trabalho na Australia (aqui), eu mencionei o quanto falta mão-de-obra por aqui. Faltam trabalhadores pras mais diversas areas que vc possa imaginar. Outro dia vi na TV que um dono de um salão de estética tava ha 16 meses procurando uma recepcionista…e NADA! O cara queria pagar bem, não exigia muita experiencia..e mesmo assim nao achava um candidato decente.

As pessoas aqui geralmente são exigentes em relação ao emprego que escolhem. Pra quem tem experiencia é assim: Voce escolhe o emprego/empregador…ao contrario de lugares concorridos onde o emprego/empregador escolhe vc.

Aqui existem 4 tipos basicos de contrato de emprego:

-Full-time: Vc trabalha tempo integral e a empresa ou empregador paga seu salario (negociado pelo valor anual..Exemplo: 38 mil dolares por ano). Paga tambem sua superannuation (tipo aposentadoria), paga pelas suas ferias (20 dias por ano) e vc tem varios beneficios de plano de saude, descontos, etc. E o melhor: ninguem pode te demitir, a nao ser que seja por justa causa ou por falencia da empresa.Parece vantagem? A maioria das pessoas aqui odeiam esse tipo de contrato.

-Contratante: Vc tem um contrato com a empresa de X numero de meses, e é pago por hora (exemplo: 25 dolares por hora). Geralmente são 6 meses ou 1 ano, mas vc pode ser demitido a qualquer momento sem grandes explicaçoes. Não tem beneficios e nao tem ferias. Se vc quiser sair de ferias é só avisar o chefe e ir no dia seguinte. Vc não vai ser pago nenhum centavo alem das horas que trabalhou. Parece ruim? As pessoas aqui AMAM esse tipo de contrato. Porque? Pela flexibilidade de poderem sair quando quiserem. Porque tem varios empregos por ai e se vc cansar do emprego hoje pode dar tchau pro chefe no mesmo dia, sem a obrigaçao de dar aviso previo.

-Mistura de full-time e contratante: Vc tem os mesmos beneficios e salario anual de full-time, direito a ferias e plano de saude, mas somente durante o periodo do seu contrato. Quase ninguem gosta dessa opçao, pelo simples fato de que vc nao tem a flexibilidade do contratante e nem a segurança do full-time. Quando seu contrato acabar a empresa nao tem a obrigacao de renova-lo.

-Casual/Por hora: Vc é pago pela hora e pronto, geralmente pra trabalhos de tempo parcial. Nao tem contrato nenhum. Muito comum pra trabalhos como garçom e prestadores de serviço, que o horario de trabalho varia bastante.

Quando cheguei aqui achei bizarro que varias pessoas ao entrarem na empresa eram dadas 2 tipos de opcao: Full-time ou contratante. E os australianos quase sempre escolhiam contratante. Os estrangeiros escolhiam full-time. E é verdade que aqui quando a pessoa cansa do emprego ela sai no mesmo dia. Fascinante e ao mesmo tempo aventureiro. Mas nada que vc não se acostume depois de ver que realmente é uma diferença cultural, e pros ausralianos mudar de empresa é como trocar de roupa.

Advertisements

24 comments

  1. Adoro os posts sobre a australia *-* quero morar ai um dia :)


    • Enquanto que os empregadores procuram alguem para trabalhar nós somos uma familia que lutamos para ir para a Australia prontos a começar , mesmo que não haja trabalho logo na nossa area (homems da casa são tubistas chefes de equipas ,soldadores) (mulheres, são gestoras , animadoras turisticas, recepcionistas de hotelaria) o que é certo é que esta dificil entrar ai … alguem nos dá uma ajuda??????? PRESSISAMOS de um contacto dentro da area da metralugica refinarias e afins para mandar os curriculuns , deixo aqui o meu mail e desde já agradeço a vossa ajuda . inovilhena@hotmail.com . OBRIGADA


  2. Curti muito esse post, Luana. E a media salarial ai? Como eh? Quanto eh ganhar bem por ai? 80 mil por ano? Apenas curiosidade mesmo pra comparar com o Canada, EUA e Brasil. Adoro qdo vc faz esse tipo de post cultural… Bjao


    • Oi Michelle, os salarios aqui geralmente sao mais altos que na America do Norte. Os americanos e canadenses que vem trabalhar aqui sempre se impressionam com o quanto sao pagos bem mais na australia.
      Se uma pessoa ganharia 80 mil nos EUA com certeza vai ganhar pelo menos 20% a mais pra uma posicao similar com mesmos requisitos de qualificacao. No entanto o custo de vida é altissimo!!! Nao posso falar sobre a Australia no geral, mas aqui em Queensland é assim.


      • Entendi. Ganha-se mais, mas gasta-se mais tbm. Obrigada pelo esclarecimento. Bjs


  3. […] teoria, na Australia, em um emprego tempo full-time (ja falei sobre as diferencas aqui) vc pode sair de ferias quando quiser e bem entender. Nenhum chefe pode te impedir a sair de ferias […]


  4. Hey Luana, to pensando em ir prai em Fevereiro!
    poderia me dar umas dicas de como conseguir emprego?
    Obrigada!!


    • Oi Daiane, vc vem como estudante?? qual o nivel do seu ingles?
      os estados de Queensland e Western Australia sao os que mais tem emrpego..
      Vc ta pensando em vir pra onde?


  5. Luana,
    Boa tarde!
    Hoje eu estou no Brasil mas estou pensando em tentar a sorte na Austrália.
    Sou Arquiteto Formado e com Pós Graduação concluída, sabe se seria muito difícil achar vaga por ai?
    abraço.


    • oi Marcelo,
      nao conheço nada sobre o campo da arquitetura por aqui. Posso dizer que no geral faltam profissionais qualificados em quase todas as areas. Entendo bem sobre engenharia, e os engenheiros que vem de fora geralmente nao precisam obter reconhecimento de titulo, exceto algumas disciplinas especificas da engenharia. No geral engenheiros podem ja procurar emprego de cara. Tudo depende tambem de qual visto vc tem. Se ja chegar com o 457 é mais facil. Se for um visto curto acho que é dificil, ja que varias empresas ficam com o pé atras. Concluindo, se o seu ingles é fluente, vc chegando com um visto de trabalho acredito que seja facil encontrar emprego.


  6. Olá Luana, estou pensando em estudar e trabalhar na Australia por uns 7 meses, sou treinador de futebol e policial, sou formado em Marketing, graduando em educação fisica com pós em Treinamento de Futebol, formação tecnica em conserto e manutenção de computadores e eletronica, tenho 34 anos, você acha que da pra conseguir emprego na minha area de futebol ai na australia?
    Obrigado garota, sucesso e felicidades pra você.
    Atc.
    Alberto Cunha
    acunhaa77@hotmail.com


    • Oi Alberto,
      Acho que vc parece ter otimas qualificacoes, entao tem boas chances.
      Mas sinceramente 7 meses talvez nao seja tempo suficiente pra ter uma experiencia legal. Geralmente o seu primeiro emprego aqui nao sera exatamente como vc imagina, e vc tera um salario relativamente baixo por nao ter experiencia local.
      Desculpa mas nao sei muito sobre esportes, mas sei que assim como meu campo (economia) vc nao precisa ter um diploma local.. uma vez que sao areas similares no mundo inteiro.
      Acho que pra vir só por 7 meses seria bom vir “sponsored” por alguma companhia ou clube de esporte
      Nao sei te dar uma opiniao concreta sobre o que nao conheco
      Boa sorte!


  7. […] com informacoes muito basicas do dia-a-dia no trabalho por aqui. Trabalhar na Australia (Parte 1); Trabalhar na Australia (Parte 2); Trabalhar na Australia (Parte […]


  8. so uma pergunta por favor sou portugues e tenho familia mulher e dois filhos e ouvi dizer que na australia o governo dava casa e trabalho porque é um pais com certas zonas muito despoadas podem me dizer se é verdade isto???


    • Quanto ao governo eu sei que existem programas de aluguel de 1 dolar por semana pra casas em zonas despovoadas (por exemplo na cidade Trundle, em New South Wales) – mas ouvi dizer que o programa nao tem dado muito certo ja que essas areas tem pouca oferta de empregos, e acaba gerando problemas sociais com esse crescimento artificial das cidades. Quanto a empresas privadas sim. Varias empresas contratam empregados e dao casas em lugares remotos (por exemplo em Mac Kay, em Queensland) mas em ares de grande atividade de mineracao. Quem se sujeita a morar nessas cidades geralmente ganha muito bem.


      • Olá Luana, tal como o Paulo sou portuguesa e o novo ano ainda agora começou, e a perspectiva é mesmo a de fugir daqui. Onde poderei obter mais informações, tambem tenho filhos e gostaria de saber mais sobre a situação de que o paulo tambem perguntou. Obrigada e um bom ano :-)


  9. zonas despovoadas peço desculpa


  10. Oi luana!Eu e meu marido queremos estudar na italia e consequentemente trabalhar,ele e eletricista e faz manutençao de PC e eu sou depiladora,sera que podemos conseguir trabalho nessas areas? Outra coisa,ele tem 47 e eu 40,em outras areas tem algum problema com idade?
    super abraço!Estou curtindo muito seu blog.


  11. Oi Luana!Perdáo amiga,mas e na australia menina kkkkkkk.aguardo resposta heim!!


  12. Oi Luana,

    Morei em Sydney por quase 6 anos, fiz curso de business e tinha visto de estudante. Infelizmente me deparei com uma suporta advogada de imigração de enganou vários brasileiros e eu tive que vir embora para o Brasil, tenho um filho de 4 anos que nasceu aí. Sonho um dia poder voltar como residênte permamente, estou terminando um curso de técnica em mineração. Vc poderia me indicar sites ou programas sérios para conseguir esta residência, iria para qualquer lugar na Austrália, amo este país.

    Muito obrigada

    Jeane


  13. Oi Luana,adorei seu post…tenho um filho que mora em Sidney a 1 e meio e trabalha de tudo:pedreiro,em mudança de moveis e na extração de amianto..pois bem,minha filha tem 16 anos e meu filho ja disse a ela que na area de estética é muito boa principalmente na parte de depilação,manicure,pedicure e drenagem linfatica,estética facial,enfim tudo ligado na area de estética,vc acha que se ela tiver uma formação nessa aera ela tera mesmo um retorno finaceiro,para custear suas despesas??? Obrigada e agurado um breve retorno.


    • Nilce,

      Olha, acho que manicure/pedicure aqui ta saturado, ainda mais que a maioria tem preferencia pelos asiaticos – que dominam o mercado e comandam a maioria dos saloes de unha. Vamos combinar que aqui nao precisa de curso pra fazer unha (ja que nao tiram cuticula, nao fazem nada alem de lixar e pintar) e o dinheiro nao parece ser bom..
      Mas qualquer area que requer curso (massagem, tratamentos com laser, e outros.. eu nao conheco muito o mundo da beleza) com certeza da um dinheiro decente pra se sustentar. Nao existe uma carreira ruim aqui – no sentido de que uma vez empregado tempo integral o dinheiro nunca é injusto – voce sempre vai conseguir pagar um aluguel e viver justamente, mesmo que tenha que morar longe da cidade.


  14. Obrigado Luana pela resposta….
    entao me tire outra duvida,quais os cursos que minha filha poderia fazer aqui no Brasil,que esta carente no mercado de Sidney?? pois todos sabemos que prestação de servicos é o pico de qualquer mercado,ela estara indo pra fazer intercambio…mas quer trabalhar pra poder se sustentar,por isso pensamos em estética,mas vc que é mulher e ja esta ai algum tempo quais as necessidades do mercado , pra gente ter uma base e eu poder prepara-la pra que ja chegue com uma base.

    Obrigada mais uma vez
    e parabens pelo seu trabalho!!!



Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: