h1

xoxoxo

11/07/2011

Eu sumi por uns motivos pessoais, mais nao sou de mencionar e deixar curiosos (brincadeira) e afins no suspense, a nao ser que nao tenha tempo de escrever ou ocasiao ideal – o que foi o caso. Sei que tem muita gente legal que passa por aqui, e tenho um “dever” de explicar, assim como fico me perguntando porque quando algum blog que eu sigo para no caminho.

Todo mundo tem momentos ruins, e eu passei umas semanas no limbo com o trabalho me consumindo e deprimindo. Fiquei acatada (acatada parece palavra de velho, coisa que minha avo usa), e quem ja teve um emprego ruim sabe o quanto passar 8h por dia (no minimo) num ambiente doentio acaba afetando a saude mental fora do trabalho. Voce chega em casa e nao consegue desligar. Nao queria postar, nao queria muito contato com o mundo externo. Chegou a ficar tao ruim que nas semanas finais eu entrava no metro com lagrima nos olhos, desejando que nao chegasse nunca no centro da cidade.

Parece “normal” sabendo que eu nao sou a unica pessoa no mundo a passar por isso. Mas quem ja passou sabe que durante aquelas 8h de agonia diarias vc pensa que esta presa(0) naquela situacao pra sempre. Aquilo é minha ocupacao, e eu nao posso abandonar. Tenho contas a pagar e obrigacoes a cumprir. Acima de tudo, eu sei, por experiencia propria que se eu abandonar meu trabalho eu me deprimo ainda mais. Nao sei ficar em casa com braços cruzados, e indo pra shoppings, etc.. Eu definitivamente nao nasci pra ser madame.

Parando pra pensar nem foi tao ruim assim..Olhar pra tras (devia existir a palavra hindsight em portugues) é facil, e foram “somente” umas 6 semanas de sofrimento, mas como eu disse antes parecia uma eternidade. interminavel

Foi um pouco antes de ir pra Melbourne que eu decidi sacodir a poeira e comecar a procurar. Disse basta praquele sentimento ruim e comecei a olhar um emprego novo. Porque ao mesmo tempo que meu lema é “quem fica parado é poste”, eu sou guerreira e fico querendo persistir e dar uma chance ao trabalho. O que foi dificil mesmo foi encontrar o momento ideal entre “nao desistir cedo demais” e “hora se seguir em frente e procurar um novo caminho”.

Tudo se resolveu e eu achei um emprego novo, ja estou na minha terceira semana. Estou muito feliz e muito orgulhosa de mim mesma. Orgulhosa porque eu fiquei mal mas em momento algum eu deixei de focar na solucao. Eu sou mesmo assim, nao fico focando no problema… vou logo olhando pra frente!

Ok, tudo passou. No emprego novo o site do blog é bloqueado! mas nao vou deixar de postar por causa disso. Bjs e ate o proximo post.

 

 

Advertisements

2 comments

  1. Que bom que conseguiu superar. Eu ja passei por esta situação e sei o quanto é horrivel. Que bom também que voce conseguiu emprego rapido, eu estou ha 2 meses procurando aqui no Brasil e nada!
    Quando puder visita meu blog. Pena que não consigo usar a ferramenta seguir no seu, mas se conseguir me segue lá!
    Bjão


  2. Que bom que voltou… EEEEE E melhor ainda, que bom que consguiu resolver o seu problema. Eh incrivel como problemas profissionais afetam nossa vida. Vc merece td de bom sempre! Bjo grande



Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: