h1

Pearl Harbor – Parte 1

14/09/2011

Esse foi um dia muito aguardado por mim. E de fato valeu a espera e expectativa. Pearl Harbor eh de fato um dos lugares mais impressionantes que ja visitei. Cheguei toda empolgada, e  a medida que minha curiosidade aumentava meu sorriso sumia do rosto. Afinal, eh impossivel ficar sorridente em uma base miliar onde mais de  2.5 mil pessoas perderam a vida de uma soh vez. Essas pessoas nao eram soh inocentes, mas tambem militares que trabalhavam duro longe das suas familias.

Pra tentar conter o avanco japones sobre a Asia (e potencialmente o mundo inteiro) nas decadas de 20 e 30, os Estados Unidos parou de exportar petroleo pro Japao no inicio da decada de 40. O Japao estava a todo vapor pra conquistar mais poder, e isso entaobateu no ponto fraco do pais – a falta de recursos naturais.. e deu impulso a um plano japones de atacar os Estados Unidos. Os japoneses treinaram muito pra um ataque, adaptatam seus equipamentos e recrutaram os melhores pilotos de aviao.

Os EUA que nao sao bobos ja previam um ataque, e se prepararam muito bem… mas nunca imaginavam que aconteceria em Pearl Harbor.

E foi o fato de que os americanos foram pegos desprevenidos que causou o maior estrago. O ataque a Pearl Harbor marcou nada menos que a entrada dos EUA na segunda guerra mundial.

Na manha aparementente calma de 7 de dezembro de 1941, quando os japoneses chegaram de surpresa pra atacar, milhares de militares ainda dormiam a bordo dos navios de batalha americanos. A base militar de Pearl Harbor foi atacada com tudo que os japoneses tinham direito.. bombas e torpedos jogados por avioes super potentes – causando a morte de uns 2.400 militares e 50 cidadaos comuns.

A “logica” pro ataque na cabeca dos japoneses foi nao soh vinganca, mas tambem pelo fato de que a destruicao de uma das frotas de navios mais potentes que os americanos possuiam poderia “enfraquecer” os EUA ao tentar conter a invasao japonesa pelo mundo afora que ja estava acontecendo.

Infelizmente alguns desses militares americanos tiveram uma morte extremamente sofrida e dificil de imaginar – a medida que os navios eram atacados, alguns viraram de cabeca pra baixo…nao soh deixando as pessoas presas, mas tambem em contato com a agua super quente e cheia de oleo fervendo que acompanhava as bombas e torpedos.

e

O bonito de Pearl Harbor eh a infraestrutura que foi erguida no lugar pra honrar todos que perderam suas vidas nesse ataque horrivel.

E o tour da base eh totalmente de graca! Vc nao paga um centavo pra andar la dentro, com direito a passeio de barco pra chegar no ponto principal: O Arizona Memorial, uma construcao feita exatamente onde o navio de batalha Arizona afundou..um dos maiores navios e de engenharia mais complexa de todos.

O lugar eh lindo, e a ceu aberto…E de qualquer ponto dentro do memorial, e soh olhar pra cima que vc vai deparar com a bandeira americana hasteada

E impressionante de verdade eh saber que o Arizona continua la embaixo…TOTALMENTE INTACTO… coberto de ferrugem.. com quase todos os corpos ate hoje nao resgatados.

e vendo a parede gigante que tem la dentro..com o nome de cada um que morreu naquela manha.. da uma sensacao meio ruim.. nao sei. Quando sai do memorial fiquei muito pensativa, e nem sorri nas fotos ao voltar no barco.

 

Advertisements

4 comments

  1. Muito legal, realmente é impressionante!


  2. So de pensar na Segunda Guerra Mundial da um calafrio… ir ai deve dar uma sensacao de tristeza e morte mesmo.


  3. Luana também é história… Lembrei das aulas da Tânia, explicou direitinho… adorei… Beijos amiga estrangeira.


    • hahaha me comparar com a Tania é sacanagem!!!!!!



Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: